ganhar músculos

Se o seu objetivo com a sua rotina de atividades físicas é ganhar músculos, você precisa conhecer os dois pilares fundamentais desse processo: o estímulo muscular e uma alimentação rica em nutrientes. 

Sem a combinação desses dois elementos, o corpo dificilmente mostrará sinais de mudança.

É verdade que cada pessoa tem a sua individualidade, mas é preciso saber onde não desperdiçar esforços para que os resultados apareçam.

Para ajudar você a alcançar as suas metas, preparamos este material com os 4 maiores erros que impedem você de ganhar músculos. Acompanhe!

1. Treinar de maneira inadequada ou insuficiente

Esse é um dos erros mais comuns entre as pessoas que querem ganhar músculos, mas não notam resultados.

Treinar de maneira insuficiente, inadequada ou simplesmente não treinar significa burlar uma etapa fundamental para que o ganho de massa muscular aconteça.

A falta de frequência nos treinos, por exemplo, é tão nociva para o crescimento muscular quanto a falta de descanso.

A musculatura surge porque o corpo passa por um processo adaptativo e acumulativo, que só acontece durante os treinos. 

Para que tudo faça sentido, o treinamento deve ser adequado às expectativas do aumento do volume muscular.

Dessa forma, você deve sempre contar com a orientação de um profissional para montar os treinos voltados para o seu objetivo e para acompanhar a execução correta dos exercícios. 

2. Não se alimentar corretamente

A essa altura você já deve estar cansado de saber que nutrição e atividade física devem andar de mãos dadas para que o ganho muscular aconteça, não é mesmo?

Mais do que isso, sem uma alimentação correta, é difícil que qualquer objetivo se concretize — como eliminar gordura, ganhar massa magra ou adquirir força. 

Não adianta cortar as fontes de gordura, comer proteína em excesso, ingerir açúcar sem limites ou nem passar perto de carboidratos.

Cada grupo alimentar tem sua função no desenvolvimento muscular e precisa ser considerado de acordo com o que seu corpo precisa antes e depois dos exercícios. 

Cada pessoa tem um metabolismo diferente e, por isso, as necessidades específicas de nutrientes também variam.

Para que a sua alimentação seja correta e faça sentido para você, é importante procurar o acompanhamento de um nutricionista e dar a devida atenção que esse pilar merece nesse processo.

3. Treinar o mesmo grupo muscular todos os dias

Muita gente treina um grupo muscular específico em excesso porque quer ver resultados naquela área o quanto antes.

No fim das contas, essa ideia gera mais danos do que benefícios. 

Sem o conhecimento adequado, as pessoas falham em entender que o crescimento do músculo ocorre nos períodos de descanso.

Durante o treino, o grupo muscular sofre danos e são esses danos, que quando recuperados pelo corpo, vão deixar o músculo cada vez mais forte e maior. 

Mas essa recuperação não ocorre da noite para o dia. Geralmente, o grupo treinado leva de 2 a 5 dias para se recuperar completamente.

Por isso, é extremamente fundamental que o seu treino tenha uma boa divisão de grupos musculares e englobe todas as áreas do corpo. 

4. Não dormir bem

Como você viu, o crescimento muscular ocorre durante o descanso e um ótimo aliado disso é o período de sono.

O treino serve como um meio para que o ganho muscular aconteça.

Isso ocorre porque, depois da atividade física e da rotina agitada, o organismo — sistema nervoso, cardiovascular, endócrino e respiratório — precisa se recuperar fisiologicamente. 

Portanto, para obter resultados satisfatórios, você não pode pular a etapa de relaxamento e descanso após o treino.

Procure ter boas noites de sono em um ambiente silencioso, escuro e evite distrações que possam fazer com que você acorde de madrugada. 

Ter um controle sobre a quantidade de treinos, alimentação correta e descanso é o primeiro passo para que você consiga ganhar músculos de fato.

Agora que você conhece os erros mais comuns que afastam você do seu objetivo, já pode corrigir o que é preciso e focar no seu desenvolvimento e progresso.

Bons treinos!

Gostou deste conteúdo? Então, que tal virar especialista e entender tudo sobre alimentação pré e pós-treino? Baixe nosso e-book gratuito agora mesmo!

Academia Nadarte
Escrito por Academia Nadarte